Se não quiser ouvir a música clique aqui:

Se planejar para um ano,
plante arroz...
Se planejar para dez anos,
plante uma árvore, mas...
Se planejar para 100 anos:
Eduque as pessoas!

Provérbio Chines

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Atenção aos prazos de licenciamento e do Controlar!

Recentemente tive uma baita surpresa.
Toda alegre, pagamos o licenciamento  (á vista) e fizemos o Controlar dentro do prazo do nosso veículo. Afinal você tem que fazer assim que disponibilizam o calendário, pela placa do carro...nem antes, nem depois.

Mas o que ninguém informa, esclarece ou muda por haver problemas graves, não para quem faz as normas mas, para os troxas que pagam tudo em dia é que:

" Se você paga seu licenciamento assim que o recebe e, pelo calendário, faz o Controlar (ou seja, depois de pagar o licenciamento), você estará sem a documentação regular do seu carro por mais ou menos 15 dias!"

Esta é uma parte do SEU problema.

Estamos no Brasil...O QUE PODEMOS ESPERAR?.

Tendo meu carro parado em uma blitz (meu marido conduzia o carro), na Rod. Raposo Tavares na altura do Carrefour da Raposo, meu esposo entregou normalmente os documentos (todo tranquilo, tá tudo pago!) e, tem a triste noticia que depois que você faz o Controlar, precisa receber um novo documento, ou seja, se você pagou antecipado o Licenciamento problema seu, o documento não vale mais. Surpresa, até então mas, não temos muita informação sobre nada que temos obrigação de pagar mesmo, não é?

Ok, procedimento padrão informado pelo DETRAN:
O Policial fica de posse dos documentos do carro, expede um documento autorizando o condutor, por um determinado prazo, a retirar o novo documento, retornar e retirar o documento anterior, regularizando a situação.
Nada mais justo, tava errado, temos que corrigir! Mas...

Procedimento adotado pelos Policiais Rodoviários no ocorrido:
  • Apreensão do veículo;
  • Encaminhamento do veículo para pátio fora de São Paulo, em Araçariguama. Obs.: Os documentos pessoais, do carro e de tudo mais são de São Paulo... Conheça um pouco mais do pátio de Araçariguama... Mesmo existindo 3 pátios de meu conhecimento em São Paulo, capital!
  • Multas por farol queimado, vidro trincado e pneu que estava "um pouco gasto";
  • Tratamento digno de rei oferecido por partes dos Policiais extremamente educados e bem intensionados;
Para solucionar este "pequeno" inconveniente:

Dependendo do carro para trabalhar, não resta outra alternativa à ir passear em Araçariguama para retirar o veículo no dia seguinte.
Dando uma passada no DETRAN, o documento novo estava na expedição. Em orientação dada pelo 'simpático e educado'  policial rodoviário, NUNCA DEVEMOS PEDIR PARA QUE OS DOCUMENTOS DO DETRAN SEJAM ENVIADOS PARA O ENDEREÇO, apesar de ser uma das opções oferecidas por ele...Enfim.
Meu esposo empoleirou-se em uma moto com um colega e rumou para tão sonhada aventura.
Chegando lá, mais educação e boas vindas por parte dos Policiais Rodoviários do pátio que, expediram a guia para pagamento da pernoite no pátio (seria apenas uma diária mas, como um cliente VIP, pagamos por duas).
Banco, recebimento no local do pagamento ou qualquer outra alternativa para fazer o pagamento no local, claaaaaro que não! Perder a oportunidade de um tour na cidade? Foi então orientado a fazer o pagamento no "centro", nos correios. 
Bora pros Correios então. Chegando lá a mais feliz de todas as surpresas (provavelmente, também (?) para o carinhoso Policial que o atendeu e passou esta informação), aquele valor de pagamento não poderia ser recebido pelos Correios, apenas no Banco.
Banco ao lado dos Correios? Claaaaaro que não! Bora pra São Roque! E vai de moto, correndo contra o tempo pois o pátio, fecha religiosamente ás 17h. (Caso você não disponha de R$100,00, correspondentes ao valor da abertura VIP do pátio depois deste horário).
De volta ao pátio, devolvendo ao gentil Policial o comprovante de pagamento, surge um novo problema...Ele havia esquecido de verificar os pneus e será necessário voltar até são Roque (haha) para comprar um novo pneu.
Sem nenhuma opção, lá foram os desbravadores de volta para São Roque, sem conhecer nada, a procura de um pneu.
Com pneu na mão, como levar em uma moto, 2 e mais um pneu?
Dá-se um jeito... voltando então a linda e acolhedora cidade de Araçariguama, chegando ao comando policial próximo ao pátio, entrega para a inspeção o pneu novo, motivo de tanta alegria...Depois de palavras extremamente doces usadas em um culto vocabulário o Policial questiona meu marido o motivo dele ter trazido um pneu para eles checarem, já que ali eles não eram borracheiros!!!!!! Claro, que absurso...Quem faria isso! Até parece que foi "PEDIDO" ao meu marido que o fizesse.
Mas, sem comer e beber desde as 10h da manhã, o abusado do meu marido resolve abusar da cordialidade dos sensíveis Policiais e, se dirigiu á um bebedouro disponibilizado para o conforto dos visitantes, para beber água. Neste mesmo instante, como não poderia ser diferente mediante a tamanha ofensa, meu marido foi interrompido pois, não era permitido beber água no local. Isso deveria ter sido solicitado com antecedencia. Culpa da falta de educação de meu esposo, claro.
Aguardando o parecer dos dignos Policiais e faltando 10 minutos para fechar o pátio um dos policiais devolvem os documentos do carro a meu marido enquando os outros questionavam ainda a pequena rachadura no vidro do carro. Em um momento heróico pulam os dois na moto. Direto ao pátio. Chegaram lá faltando menos de 10 minutos para que acabasse o expediente e os portões sendo fechados.

Finalmente retirar o carro do cativeiro! Mas, não antes de implorar pelos seus pertences desnecessariamente deixados dentro do veículo como macaco, triangulo, chave de roda e step, ah e claro, a frente do rádio do carro! É óbvio que mediante a falta de atenção do meu esposo os lícitos policiais tiveram que retirar estes ítens do automóvel para nossa própria segurança!

Agradecidos pela ótima estadia e pela atenção dispensada á eles voltaram então para São Paulo, pondo fim a este passeio de 290 km rodados.

Compartilho com vocês estas informações com a mesma indignação que escutei do meu esposo e, com a mesma indignação encaminhei para a corregedoria através de pessoas conhecidas da área.

Afinal, um elogio ao ótimo tratamento não pode passar em branco, vocês não acham? Com certeza não dará em nada mas, posso dormir em paz.

Mais informações sobre apreensão de veículos em São Paulo








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Falando em Meio Ambiente:

Música é a expressão da Alma!